Laboratório



DIMENSIONAIS

A primeira etapa é a medição. As medidas do colchão devem estar de acordo com aquelas indicadas na etiqueta. Neste momento também são observadas possíveis falhas e aspectos construtivos.

RESILIÊNCIA

O teste consiste na queda de uma esfera de aço sobre a espuma, verificando sua elasticidade. Quanto maior for a altura atingida pela esfera, melhor será o seu % de resiliência. Esta capacidade de alto retorno proporciona um bom nível de conforto.

TESTE DE FORÇA DE INDENTAÇÃO

Mede a capacidade de peso que a espuma pode suportar, avaliando a força que foi empregada após esta ter sido pressionada ao máximo. O material deve ser macio no início da deflexão e logo após deve resistir, resultando em suavidade e firmeza.

FADIGA DINÂMICA

Esse teste avalia o desempenho da amostra de espuma, como se um pistão colidisse com essa amostra por inúmeras vezes, num determinado período de tempo. Sendo assim, é possível simular o uso do produto e prever sua real fadiga.

TESTE DE DEFORMAÇÃO PERMANENTE À COMPRESSÃO

A espuma é comprimida até o seu limite sob certas condições de tempo e de temperatura. Após avaliar a perda de volume do material, define-se a capacidade de retorno da espuma à sua especificação inicial, evitando, assim, a venda de espumas sem qualificação.

TESTE DE TEOR DE CINZAS

Este ensaio é realizado para verificar se hà presença de carga inorgânica na espuma, o que causaria um falso aumento da densidade e dureza da espuma. Ou seja, este ensaio é feito para constatar a pureza das matérias primas.